Carlos Gomes Júnior regressa à Guiné-Bissau a 18 de Janeiro

0
373

O Coordenador do Movimento Nacional Cívico “Nô Djunta Mom Pa Fidjus di Tchom Riba Casa”, Fernando Gomes, confirmou esta terça-feira que o ex-primeiro ministro e antigo Presidente do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), Carlos Gomes Júnior regressará à Guiné-Bissau na quinta-feira, 18 de Janeiro.

Fernando Gomes precisou que os titulares dos órgãos da soberania já tiveram conhecimento do regresso de Carlos Gomes Júnior.

“Cadogo regressa ao país que o viu nascer no dia 18 de Janeiro. Convido a todos os cidadãos que, neste dia, estejamos no aeroporto para receber Carlos Gomes Júnior, porque ele vai chegar à luz do dia e não à noite” anunciou, e sublinhou que “é inadmissível, em todos os aspetos, morais e jurídicos, em pleno século XXI, que um cidadão não possa voltar ao seu país, por causa de alguma ameaça e algum receio”.

“Sentimos chocados ouvir as pessoas a dizerem que politicamente é inoportuno o regresso de Carlos Gomes Júnior. As pessoas não estão a ver o aspeto legal de que cada cidadão deve voltar ao seu país assim que entender. Aspeto político deve sobrepor aspeto legal? Isto é inadmissível. Por causa de mesquinhez política? Ou seja, Cadogo devia ficar até quando entenderem, nos anos 2050 e ou nos anos 2080, ou depois da realização das eleições, até que ele possa voltar ao país” questionou Fernando Gomes.

Para Fernando Gomes os guineenses precisam de uma reconciliação “genuína e verdadeira”, pondo em primeiro lugar os valores humanos e aconselhou a classe política a deixar “a mesquinhez política”, criando o espaço para a concórdia nacional.

“A Guiné-Bissau jamais deve aceitar que haja exilados políticos. Esperamos que nunca mais os cidadãos exilem, por questão política. Não temos compromisso com nenhuma formação política. O nosso movimento é de caráter cívico. Carlos Gomes Júnior virá por intermédio do movimento para continuar a dar a sua contribuição para o avanço do país” concluiu Fernando Gomes.

In e-Global

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here