Filhas de Amílcar Cabral condenam invasão à sede do PAIGC

0
122

Continuam a surgir reações à invasão da sede do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde(PAIGC), por parte das forças da ordem, para impedir a realização do nono Congresso Ordinário do Partido, sob alegação da existência de uma alegada ordem judicial.
Esta quarta-feira, 31, as duas filhas do fundador das nacionalidades guineense e cabo-verdiana, Amílcar Cabral, condenaram a ação policial.
“É um ato indigno, revoltante, que fere de morte dos desejos de Amílcar Cabral”, afirmaram em conferência de imprensa, Indira Cabral e Iva Cabral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here