Governo regional Bolama Bijagós anuncia engajamento das autoridades locais no acolhimento do V Congresso Internacional de Educação Ambiental

0
391

O Governador da região do Bolama Bijagós, sul da Guiné-Bissau, anunciou o engajamento das autoridades locais no acolhimento do V Congresso Internacional de Educação Ambiental dos Países e Comunidades de Língua Portuguesa a ter lugar em Bubaque em abril 2019.

Quintino Rodrigues Boni fez este anuncio no seguimento de uma missão internacional alusivo a este encontro que esteve nesta localidade, na qual o responsável orientou o envolvimento de restantes autoridades a nível dos sectores que compõem esta região anfitriã do encontro dos ambientalistas da CPLP e Galiza. “Estamos engajados para o efeito, razão pela qual quero fazer desde já um apelo a todas as pessoas a nível da região e sectores no sentido de se começarem a organizar na forma de recepção deste importante encontro,” disse.

Foi por esta razão que o responsável máximo do Governo local, manifestou o seu otimismo no sucesso do congresso, que na sua opinião a reunião vai possibilitar ainda mais a visibilidade da região no ponto de vista turística.

Em termo de organização dos locais onde vão decorrer o congresso, Quintino Boni falou de trabalhos de limpeza na cidade de Bubaque, contando para efeito com a participação de ativistas ambientais.” Podia ser que este encontro tivesse lugar numa outra ilha qualquer, mas tudo se trata da mesma região, vamos trabalhar na reorganização da cidade, o que deve ter algum retoque que seja feito, pelo que contamos com a presença de várias Organizações não Governamentais, ambientalistas bem como as entidades que atuam nas áreas do ambiente”, disse.

Durante dois dias em Bolama, a missão do V Congresso Internacional de Educação Ambiental visitou locais e monumentos históricos locais, antigas instalações da Imprensa Nacional – INACEP, praia de Ofir, bem como o serviço de administração local totalmente arruinado e a residência do Governador local também bastante degradado, contudo já em obra devido os esforços interno de atuais responsáveis regionais de Bolama.

De salientar que a cidade de Bolama, antiga capital da Guiné-Bissau vai ser palco de visita pôs congresso de ambientalista dos países lusófonos a ter lugar no país em 2019.

Sob o lema: “migrações e crise ecológica, leituras e respostas desde a educação ambiental”, a ilha turística de Bubaque, acolherá de 14 a 18 de Abril 2019, o V Congresso Internacional de Educação Ambiental dos Países e Comunidades de Língua Portuguesa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here