TIMOR LESTE NOMEIA REPRESENTANTE ESPECIAL PARA ASSISTIR PROCESSO ELEITORAL NA GUINÉ-BISSAU

0
156

O Governo de Timor Leste aprovou esta terça-feira a nomeação de um representante especial para assistir e apoiar o processo eleitoral de 18 de Novembro na Guiné-Bissau, país onde Timor-Leste já no passado deu apoio às últimas eleições gerais.

Na sua reunião semanal, o Conselho de Ministros aprovou uma proposta apresentada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Dionísio Babo, que nomeia Tomás Cabral para liderar esse processo.

Cabe ao representante especial “proceder à identificação das necessidades da Guiné-Bissau para a realização de eleições livres e democráticas a ter lugar no próximo dia 18 de Novembro de 2018”, refere o executivo de Timor Leste.

O Conselho de Ministros recordou “o importante contributo que as duas missões timorenses de apoio aos processos eleitorais da Guiné-Bissau, estabelecidas em 2013 e 2014, prestaram para a realização de eleições livres e justas no país, para o retorno à normalidade democrática e para o prestígio internacional de Timor.”

Neste sentido, o executivo timorense reafirma a sua determinação “em contribuir para a paz e a segurança internacional, através do apoio de ações que promovam a consolidação de regimes democráticos, o respeito pelos direitos humanos e o fortalecimento dos Estados com os quais Timor-Leste mantém relações de amizade e de cooperação”.

Em 2014 Tomás Cabral, então secretário de Estado da Descentralização Administrativa, foi nomeado para liderar a Missão de Apoio de Timor-Leste ao Processo Eleitoral na Guiné-Bissau, em Setembro de 2013.

Essa missão “apoiou as instituições eleitorais da Guiné-Bissau na preparação e implementação do ato eleitoral sendo este um passo fundamental para a realização de eleições justas que conduzem a resultados democráticos credíveis”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here